segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

“Roda de amigos”




O próprio nome demonstra a tranqüilidade de estar presente em uma roda de amigos, seja de samba ou de qualquer outro estilo.
Logo vem na mente uma roda repleta de sorrisos e sintonias positivas.
De leve um copinho de aperitivo, uma musiquinha de fundo, um papo legal é bom demais!
Tudo segue como uma melodia com um ritmo harmonioso onde a conversa e as brincadeiras fluem preenchendo o momento com um brilho saudável.
O “presente” se torna uma bela recordação para o “amanhã”.
Quem vai dizer que é ruim dividir essa energia?
Tudo na paz, tudo entre amigos, sem qualquer tipo de pensamentos negativos.
Dar um valor a esses amigos é algo precioso, por que é como um fruto que você planta para colher quando precisar ou até mesmo, para ter a certeza de que se tem um ótimo amigo por perto.
Um “ombro” bom, não tem preço!
É cultivando esse jardim que a gente nunca ficara sozinho.

Veja bem:

Nunca é tarde para abrir as portas para os amigos ou novos amigos.
No que depender de mim, sejam todos bem vindos!


(Sabrina Receputi)

Nenhum comentário:

Postar um comentário