sexta-feira, 20 de julho de 2012

Sou seu do nosso jeito.




Um mar de desejos invadiu o meu quarto,
Me abriu a porta, me tirou a roupa e me atirou em você!
Ouço sussurros, te sinto e vejo imagens em movimentos.
Cenas estão sendo produzidas em câmera lenta, revelando nossos sentidos...
O meu olhar foca em seu olhar a me seduzir,
Deixemos fluir esse clima lascivo a nos envolver.
É coisa de um coração apaixonado;
É coisa de dois corações em sintonia;
É algo mais quente que o fogo;
É muito mais ardente que pimenta!
Em um segundo surge o apetite carnal,
Estamos com sede de amar.
As minhas mãos estão a te afagar,
Sua respiração ofegante denuncia o meu EU em você.
Te sinto em mim,
Te deixo entrar.
Um beijo cala tudo,
O gosto do mel aguça o paladar,
E essas cenas fascinam, enlouquecem!
Palavras trocadas em silêncio,
Segredos se revelando vagarosamente.
Sou sua a cada dia...
Sou seu do nosso jeito.


(Sabrina Receputi)




Nenhum comentário:

Postar um comentário