sexta-feira, 19 de julho de 2013

Uma verdadeira flor conhece bem o adubo que a faz crescer e não se abalar com as ventanias e tempestades.
Viva a vida e "dane-se" as "flores" de plásticos que não morrem e que também não nos acrescentam em nada.
Essas se tornam cada vez mais artificiais e intolerantes!

Sabrina Receputi

Nenhum comentário:

Postar um comentário