quinta-feira, 22 de junho de 2017

Parque de sensações

Nunca imaginei ter o nosso parque de sensações 
Temos uma roda gigante só nossa
Que gira em torno dos nossos momentos
Nos proporcionando horas de alegria 
E as vezes, alguma tristeza repentina
Nessa montanha russa
Sinto um frio na barriga quando em sua direção eu vou
Seguimos horas e horas nesse samba que alucina
E nos deixa de pernas bambas
E esse kamikaze? 
Esse a gente enfrenta, se acerta e faz valer cada segundo
A gente se diverte como pipocas na panela à saltitar 
Nesse labirinto do amor
A gente se ama de tão doce esse algodão doce
Vem! Vamos caminhar...
Conhecer esses brinquedos em um só carrossel 
Pescar a surpresas do dia-a-dia
Em busca de um só lugar
Quero morar nesse parque a vida toda
Quero brincar
Vem brincar comigo nesse tobogan
Jamais irei soltar a sua mão. 



Sabrina Sena

Nenhum comentário:

Postar um comentário